• ASG

Tendências em 2022: Evolução da IA em Segurança Cibernética




Novas tendências na segurança cibernética estão surgindo, mais do que nunca com novas tecnologias e recursos. Algumas ferramentas estão sendo substituídas e outras vieram pra ficar. Alguns exemplos de soluções que já utilizam I.A em seu portfólio são a Hillstone Networks, Mist, Sentinel One e Thales.

O contexto fascinante dos filmes de ficção como Matrix, já estão na nossa realidade, algumas formas de tecnologia de inteligência artificial, como o estudo profundo através de redes neurais artificiais, alcançaram resultados significativos nos campos da visão computacional, processamento de linguagem natural e condução autônoma.


No assunto segurança da rede, o uso da Inteligência Artificial teve grandes evoluções e se inseriu nas indústrias de cibersegurança. Uma maneira inovadora de alavancar a IA é o algoritmo de aprendizagem a PCA, ou o significado de PCA análise de componentes principais, usada para criar modelos preditivos. Ela pode compactar dados de alta dimensão – dados com muitos atributos – em um gráfico 2D que é interpretável, mostrando como os principais componentes se correlacionam entre si. A Inteligência Artificial pode então, aproveitar a ligação entre esses componentes principais para criar modelos preditivos ou explorar como esses componentes principais reagiriam em várias situações. Em segurança cibernética, o PCA pode identificar automaticamente características de uso da API para descobrir vulnerabilidades de zero-day. Há outros métodos de alavancagem da IA, onde estão usando redes neurais recorrentes para identificar vulnerabilidades de programas binários, agrupamento de gráficos para permitir a detecção de bots com base em Algoritmos Gerados por Domínio (DGA), uma rede neural (correlacionada com IA) perceptron de várias camadas (MLP) para detectar tráfego de rede anormal, etc. A propensão é que cada vez mais fornecedores dedicarão maiores recursos para pesquisas aprofundadas sobre como outras inteligências artificiais existentes podem ser aproveitadas criativamente para melhorar os recursos de detecção, proteção e resposta de seus produtos. Embora a IA não esteja avançada ao ponto de funcionar por si só, ela pode aumentar os fluxos de trabalho de segurança, evitando assim, as tarefas mais operacionais mundanas e repetitivas das equipes de segurança, e assim, permitindo que eles dediquem seus esforços em questões mais estratégicas críticas aos negócios que exijam inteligência humana.

Dados recentes pesquisados pela Hillstone Networks, uma empresa recomendada pelo Gartner:

  • O uso de redes neurais profundas será aumentado para extrair automaticamente características de dados brutos do lado da rede e do lado do host. Isso ajudará a diminuir a necessidade de especialistas em segurança para extrair recursos de dados, que podem ser automatizados, otimizando seu tempo em tarefas mais estratégicas e urgentes.

  • Dado que a metodologia de ataque da caixa preta ainda está em desenvolvimento em estágio inicial, no momento, não existe um método confiável de analisar o desempenho dos modelos de aprendizado de máquina. Portanto, o aprendizado de amostras pequenas (SSL) ainda é extremamente valioso para o setor de segurança de rede.

  • A estrutura geral das redes neurais profundas precisa de uma inspeção mais profunda.

  • A tecnologia de detecção de ameaças baseada no modelo Graph Neural Network merece atenção. Um modelo de Rede Neural Gráfica (GNN) pode aprender com dados estruturados por gráficos, em oposição a dados tradicionais mais lineares. Ao aprender os padrões de fluxo de ataques, o modelo GNN pode detectar dinamicamente ataques mesmo quando eles modificam intencionalmente o tamanho do pacote e os tempos de inter-chegada para jogar fora os métodos tradicionais de detecção.

A evolução da IA no espaço de segurança é inevitável, como evidenciado. Caso queira saber mais sobre tendências de segurança cibernética, nós podemos realizar uma apresentação e até mesmo uma demonstração da solução. Para isto basta realizar contato através do e-mail contato@asg.com.br, via telefone (51) 3533-8417, Whatsapp: (51) 99340-7861, ou então nosso site.


Acompanhe a nossa página no Instagram e fique por dentro das novidades.

6 visualizações0 comentário